Política sobre parcerias pagas

Enquanto os Tweets promovidos por meio dos serviços de publicidade do Twitter são rotulados como "Promovidos" e devem respeitar nossas Políticas do Twitter Ads, os Tweets orgânicos e não promovidos também podem ser considerados posicionamentos de produtos pagos, endossos ou anúncios ("Parcerias pagas").  

 

Seguem exemplos de Parcerias pagas:

 

  • Um usuário, que pode ser o criador ou uma marca, foi ou pode ser remunerado por um Tweet (inclusive na forma de dinheiro, presentes, empréstimo de produtos ou outras recompensas ou incentivos), ou

  • Um Tweet é criado como parte de (ou em conexão com) um relacionamento comercial (como uma disposição atual ou recente de "embaixador da marca"), ou

  • Um Tweet inclui um link afiliado ou código de desconto pelo qual o usuário pode receber algum benefício, incentivo ou recompensa

 

Para Tweets que fazem parte de uma Parceria paga publicada como Tweet orgânico, serão necessárias declarações claras e evidentes, que indiquem a natureza comercial do conteúdo em questão. Por exemplo, “#anuncio”, “#parceriapaga”, “#patrocinado”.

 

Deixar de incluir uma declaração apropriada de forma clara e evidente poderá ter como consequências ações corretivas.

 

Além de cumprir as Regras do Twitter, os usuários, inclusive criadores e marcas, que participarem de Parcerias pagas serão responsáveis por cumprir todas as leis e os regulamentos aplicáveis, incluindo, mas não somente, todas as leis de publicidade e, quando aplicável, os regulamentos da FTC, como os Guias da FTC sobre o uso de endossos e depoimentos em publicidade.

 

As regras e orientações que se aplicam às Parcerias pagas podem variar de acordo com o país e são sujeitas a alterações, portanto, verifique se você está seguindo todas as regras e orientações mais recentes do país em questão. 



Para o Reino Unido, aplica-se o seguinte: 

 

Os criadores devem incluir todas as declarações aplicáveis necessárias para indicar a natureza comercial de seu conteúdo, como "#anuncio". Lembre-se: todos os Tweets com intenção comercial, inclusive Tweets de marca própria criados por um usuário que tenha interesse comercial na marca relevante (por exemplo, como diretor), precisarão apresentar uma declaração.

 

Deixar de incluir uma declaração apropriada, conforme mencionado na seção global acima, de forma clara e evidente poderá ter como consequências ações corretivas. 

 

Os criadores também deverão consultar o Influencers' Guide to Making Clear that Ads are Ads, um guia para influenciadores fornecido pelo Committee of Advertising Practice (CAP) e pela Competition & Markets Authority (CMA) do Reino Unido.

 

Os usuários que acreditarem ter visualizado uma parceria paga sem a existência de uma declaração apropriada poderão relatar o caso diretamente à marca relevante ou a uma autoridade reguladora competente, como a Advertising Standards Authority (ASA).

Compartilhe este artigo