goglobalwithtwitterbanner

Política de informações enganosas sobre a COVID-19

Visão geral

Você não pode usar os serviços do Twitter para compartilhar informações falsas ou enganosas sobre a COVID-19 que possam causar danos. 

Mesmo com a compreensão científica de que a pandemia de COVID-19 continua a se desenvolver, observamos o surgimento de teorias de conspiração persistentes, retórica alarmista não baseada em pesquisas nem em relatos convincentes, além de uma grande série de rumores infundados que, se não contextualizados, podem evitar que o público tome decisões informadas sobre a saúde e coloca pessoas, famílias e comunidades em risco.

Conteúdo que seja comprovadamente falso ou enganoso e que possa causar risco significativo de danos (como aumento da exposição ao vírus ou efeitos adversos sobre os sistemas de saúde pública) não pode ser compartilhado no Twitter. Isso inclui compartilhar conteúdo que induza as pessoas ao erro quanto à natureza do vírus da COVID-19; eficácia e/ou segurança de medidas preventivas, tratamentos ou outras precauções para mitigar ou tratar a doença; regulamentos oficiais, restrições ou isenções relativas a orientações de saúde; ou prevalência do vírus ou risco de infecção ou morte associados à COVID-19. Além disso, podemos identificar os Tweets que compartilham informações enganosas sobre a COVID-19, de modo a reduzir a disseminação e contextualizar melhor.

O que viola essa política?

Segundo essa política, para a etiqueta de conteúdo relacionado à COVID-19 ser inserida ou removida, é necessário o seguinte: 

  • promover uma declaração de fato, expressa em termos definitivos; 
  • ser comprovadamente falsa ou enganosa, conforme fontes confiáveis e amplamente disponíveis; e
  • possibilidade de afetar a segurança pública ou causar danos graves.

Esta política aborda quatro categorias de comportamentos e conteúdos enganosos:


Informações falsas ou enganosas sobre a natureza do vírus.


Nós identificaremos ou removeremos informações falsas ou enganosas sobre:

  • Transmissão do vírus, como alegações falsas sobre transmissão assintomática, ou informações falsas sobre a forma de transmissão em ambientes fechados;
  • Suscetibilidade ao vírus, por exemplo, alegações de que grupos ou pessoas específicos estão mais ou menos propensos à infecção ou ao desenvolvimento de sintomas adversos, conforme nacionalidade ou religião;
  • Sintomas comumente associados ao vírus, como instruções errôneas sobre autodiagnóstico; 
  • A pandemia ou as vacinas de COVID-19 que invocam uma conspiração deliberada por forças do mal e/ou poderosas.

Informações falsas ou enganosas sobre a eficácia e/ou segurança de medidas de prevenção, tratamentos ou outras precauções para mitigar ou tratar a doença. 

Nós identificaremos ou removeremos informações falsas ou enganosas sobre: 

  • A segurança ou eficácia de tratamentos ou medidas de prevenção que não sejam aprovadas pelas autoridades sanitárias ou que sejam aprovadas por tais autoridades sanitárias, mas cuja administração não seja segura em casa;
  • A venda ou facilitação de medicamentos ou remédios que precisam de prescrição ou consulta a médicos;
  • Efeitos ou impactos adversos do recebimento de vacinas, quando essas alegações já tiverem sido amplamente desmascaradas; 
  • Vacinas e programas de vacinação que sugerem que as vacinas de COVID-19 fazem parte de uma tentativa deliberada de causar danos ou controlar populações.

Informações falsas ou enganosas sobre regulamentações oficiais, restrições ou isenções relacionadas a orientações de saúde.

Nós identificaremos ou removeremos informações falsas ou enganosas sobre: 

  • Equipamentos de proteção individual (EPI), como alegações sobre a eficácia e a segurança de máscaras faciais para reduzir a transmissão viral; 
  • Medidas de prevenção, como lavagem das mãos, métodos adequados de higiene ou saúde ou distanciamento social; 
  • Orientações ou ordens nacionais ou locais relativas a toque de recolher, lockdown, restrições de viagem, protocolos para quarentena, inoculações, incluindo isenções de tais orientações ou ordens;
  • Como as vacinas são desenvolvidas, testadas e aprovadas pelas agências de saúde oficiais, além de informações sobre recomendações do governo.

Informações falsas ou enganosas sobre a prevalência do vírus, risco de infecção ou morte.

Nós identificaremos ou removeremos informações falsas ou enganosas sobre: 

  • A prevalência do vírus ou da doença, como informações relativas a resultados de teste, hospitalizações ou taxa de mortalidade; 
  • A capacidade de o sistema de saúde pública lidar com a crise; por exemplo, informações falsas sobre a disponibilidade de EPI, respiradores ou médicos, ou sobre a capacidade hospitalar; 
  • Descobertas de pesquisa (como deturpação ou conclusões infundadas sobre dados estatísticos) usadas para promover uma narrativa específica que diminui o significado da doença.

Afiliação falsa ou enganosa
Você não pode criar contas faltas que deturpem afiliação nem compartilhar conteúdo que represente falsamente a afiliação a um médico, funcionário ou agência de saúde pública, instituição de pesquisa ou que sugira falsamente conhecimento em questões da COVID-19.

O que não representa uma violação desta política?

Procuramos proteger um debate público robusto sobre a resposta à COVID-19 e reconhecemos que o estado do conhecimento científico sobre determinados aspectos da pandemia e da resposta pública a ela (inclusive o desenvolvimento de vacinas) ainda está dando seus primeiros passos. Na ausência de outras violações da política, as atitudes a seguir não costumam ser consideradas violação desta política:

  • Comentários, opiniões e/ou sátira fortes, desde que não contenham afirmações falsas ou enganosas sobre o fato.
  • Contradiscurso. Permitimos respostas diretas a informações enganosas que busquem minar o impacto ao corrigir a gravação, ampliar informações críveis e informar a comunidade sobre a prevalência e a dinâmica das informações enganosas.
  • Contas para anedotas pessoais ou em primeira pessoa. 
  • Debate público sobre o avanço da ciência e da pesquisa sobre COVID-19, inclusive debate sobre pesquisas relacionadas à COVID-19, como eficácia de tratamentos e medidas de mitigação, desde que as alegações não representem erroneamente os achados de pesquisa.

Quem pode denunciar violações desta política?

Em vez de relatórios do produto, estamos reforçando essa política em estreita coordenação com parceiros de confiança, como autoridades sanitárias, ONGs e governos, e continuar a usar e consultar informações dessas fontes ao revisar o conteúdo.

Nossa equipe de Políticas Públicas Globais tem linhas de comunicação abertas com as partes interessadas de vários países, como Organização Mundial da Saúde, várias organizações governamentais e de saúde pública, e funcionários do mundo todo, para garantir que possam resolver problemas na conta, verificar os especialistas e buscar orientação estratégica quanto ao uso do poder do Twitter para mitigar o prejuízo.

O que acontecerá se você violar esta política?

As consequências da violação de nossa política de informações enganosas sobre a COVID-19 dependem da gravidade, do tipo da violação e do histórico de violações anteriores cometidas pela conta. Nos casos em que uma conta violar repetidamente esta política, usaremos um sistema de contagem de transgressões para determinar se é caso de aplicar outras medidas corretivas. Acreditamos que esse sistema ajuda também a reduzir a disseminação de informações potencialmente prejudiciais e enganosas no Twitter, especialmente para violações graves das nossas regras.

As providências tomadas podem incluir:

Exclusão do Tweet 

Para violações graves desta política, inclusive (1) informações enganosas relacionadas à natureza ou ao tratamento do vírus da COVID-19 e (2) à pandemia ou às vacinas da COVID-19 que mencionem uma conspiração proposital por forças mal-intencionadas e/ou poderosas, exigiremos a remoção do conteúdo. Você também ficará impedido temporariamente de acessar sua conta e de Tweetar. A exclusão de Tweet acontece quando acumulam-se 2 transgressões.

Marcação

Nas circunstâncias em que não removermos conteúdo que viola esta política, poderemos fornecer contexto adicional aos Tweets que compartilham o conteúdo no local onde são exibidos no Twitter. Desse modo, poderemos:

  • Aplicar um rótulo e/ou uma mensagem de aviso ao Tweet
  • Exibir um aviso para as pessoas antes de elas compartilharem ou curtirem o Tweet
  • Reduzir a visibilidade do Tweet no Twitter e/ou impedir que ele seja recomendado
  • Desativar curtidas, respostas e Retweets, e/ou
  • Fornecer um link para mais explicações ou esclarecimentos, como em uma página de destino selecionada ou políticas do Twitter cabíveis

Na maioria dos casos, tomaremos todas as providências acima em relação aos Tweets que marcarmos. Priorizamos a produção de Moments do Twitter nos casos em que o conteúdo enganoso no Twitter está ganhando atenção significativa e causou confusão pública sobre nossos serviços. Caso se determine que os Tweets marcados são prejudiciais, eles acumularão 1 transgressão

Bloqueio da conta e suspensão permanente

Se determinarmos que uma conta é dedicada ao envio de Tweets ou promoção de uma narrativa errônea em particular (ou de uma série de narrativas) sobre a COVID-19, isso constituiria base para suspensão.

Se você acredita que o bloqueio ou a suspensão da sua conta foi um erro, envie uma contestação.

Para violações graves ou reincidentes desta política, as contas serão permanentemente suspensas.

As violações repetidas desta política são aplicadas com base no número de transgressões que uma conta acumula para violações desta política:

  • 1 transgressão: nenhuma ação no nível de conta
  • 2 transgressões: bloqueio de conta por 12 horas
  • 3 transgressões: bloqueio de conta por 12 horas
  • 4 transgressões: bloqueio de conta por 7 dias
  • 5 ou mais transgressões: suspensão permanente

Se você acredita que o bloqueio ou a suspensão da sua conta foi um erro, envie uma contestação.

Recursos adicionais

Saiba mais sobre nosso trabalho para combater informações enganosas sobre a COVID-19 aqui, e nossa abordagem ampliada às informações enganosas sobre a vacina de COVID-19 aqui.

Saiba mais sobre nossas opções de medidas corretivas e nossa abordagem de desenvolvimento e aplicação de políticas.

Marcar como favorito ou compartilhar este artigo

Este artigo foi útil?

Agradecemos por enviar sua opinião. Estamos felizes em poder ajudar!

Agradecemos por enviar sua opinião. Como podemos melhorar este artigo?

Agradecemos por enviar sua opinião. Seus comentários vão nos ajudar a melhorar nossos artigos no futuro.